quarta-feira, 15 de setembro de 2010

ver-te sem te poder tocar.

Imagem
Não! Não quero mais. Não te quero ver mais à minha frente. Não quero que invadas mais o meu pensamento, a minha vida. Não quero mais saber que viraste à direita ou que travaste a fundo na curva. Pouco me importa que estejas a voar alto demais para quem não tem asas. Esse teu misticismo heróico já não me fascina.
Já não quero mais. Dizem que a esperança é a última a morrer. Peço-te, mata a minha o mais rápido possível. Mata-a, sem dó nem piedade. "Mais vale morrer cedo, de pé, do que viver até tarde, de joelhos".

3 comentários:

LA disse...

uii :x mau mau mau :S odeio ver.te assim :(

● mf ● disse...

obrigada *_*
que post bonito , como te compreendo !

Bruna disse...

este post , senti-o tanto! :x
nem vale a pena Licas, o amor realmente não entra na minha vida :/