segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

Devaneios Irreais #5

Voltas à minha vida num abrir e fechar de olhos pela 123485620 vez. Vira o disco e toca o mesmo. Não te cansas desta azáfama de entra e sai a que te deixas sujeito? Vais e vens. Vais e vens. Vais e vens. Vais e vens. Ufffff. Deixa-me respirar fundo. Canso-me só de pensar. E tu não te cansas? Diz-me a verdade. Não te cansas mesmo? Pois bem, devias. Só tens mais esta hipótese: Ou entras na minha vida e ficas de uma vez por todas ou sais para sempre. A minha paciência tem limites. E a minha dignidade também. Tu sabes isto melhor do que qualquer outra pessoa.

2 comentários:

Ivo disse...

por mais q se diga "ou entras, ou sais de uma vez"... acabamos por deixar entrar e sair todas as vezes q nos batem a porta

L. disse...

BEM VERDADE.
infelizmente!