sexta-feira, 15 de julho de 2011

Devaneiros Irreais #13

Há coisas que, por muito que eu tente, não consigo perceber. Porque é que quando duas pessoas gostam uma da outra, não se deixam envolver? Porque é que por vezes, deixam oportunidades passar ao lado por causa de ninguém ter dado o primeiro passo? Porque é que deixam escapar oportunidades de uma vida? Porque é que não deixam que aconteça? Esta gente está perdida. O romantismo já não existe. O significado de amor, de aventura, de loucura, descoberta, já não é o que era. Já não existem Romeus. Nem Julietas. Já não existem histórias como a do Pedro e Inês. Já não existe o amor eterno. É isso. É exactamente isso. Ele já não existe. Para quê procurá-lo?

8 comentários:

Gabriela ♥ disse...

Gostei :)

Anne. disse...

Para as primeiras perguntas deste texto... eu tb quero resposta!
Beijinhos!

SofiaCosta disse...

Será um da um desvaneiro irreal, ou simplesmente a tua consiencia a falar.. Eu acho que o amor existe.. mas acho que pessoas como eu (e tu, acho) não o perseguem pq têm mais medo de ser magoadas do que coragem de arriscar para ser amadas... mas ele ha-de vir ter connosco xD Agora, Licas, tbm é preciso ser muito cega e parvinha para nao correr um bocadinho quando ele esta mesmo à tua frente a dizer "agarra-me pf, e nao me largues mais!" Siéquemintendes!

Daniela disse...

eu também, acredita. obrigada linda (:

bruninha. disse...

obrigada Licas. Veremos, veremos! :)

Daniela disse...

são todos iguais :'s

BMiguel disse...

serei irreal??
(fica a questão)

L. disse...

NÃO! Não és irreal. E ainda bem (a)
Estavas era a demorar a "contemplar" a situação "frente a frente".